quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Coragem


 Coragem

Lá fora a água caía como se o céu tivesse querendo lavar a terra. Pela vidraça ela via o sacudir das árvores. Seus olhos divididos vigiavam o telefone e a chuva.  Para quem tinha esperado até aqui, um pouco mais não faria diferença. Ainda assim, não conseguiu conter o ímpeto de roer as unhas. Andava de um lado para o outro a espera da hora . Toca o telefone. Embora a espera toda fosse por causa deste, se assustou do mesmo jeito. Deu um salto e agarrou o aparelho:
- Oi!
- Oi!
- E aí? Decidiu?
- Sim.
- E...?
- A minha resposta é sim.
- Jura?!  Você tem certeza?
- Sim, juro, tenho certeza!
- Mas, e os outros? E o que vão dizer?
- Não me importa mais. Já tomei a minha decisão.
- Mas...
- Não há mais nenhum  mas que me faça mudar de idéia.
- Nossa! Eu confesso que estou surpreso com a sua certeza.
- Não fique. O que você está vendo hoje, não começou hoje, mas sim no dia em que eu decidi dar um novo rumo à minha vida. Não tem nada a ver com você, tem a ver comigo.
- Entendi... E quando será?
- Agora.
- Agora? Mas tá chovendo!
- Não tem problema, nunca brinquei na chuva mesmo! 
- Então  boa sorte!
-  Estou indo. Tchau
Desligou o telefone, olhou-se no espelho, sorriu para si mesma e foi.
Naquele dia ela deixou-se molhar. Olhou para o céu  e enxergou os pingos da chuva vindo em sua direção. Abriu a boca e bebeu os pingos. Não correu, não se esquivou, apenas ficou ali, deixando a chuva enxarcar suas roupas, seus cabelos, seu corpo. Deixou-se lavar. 
A roupa colou no corpo mostrando as curvas da sua cintura. A blusa colou nos seios mostrando os bicos arrepiados. E ela, inebriada pelo balé da água e do vento, tocou o rosto molhado e provou de si mesma. 
E assim atravessou o grande jardim. Completamente molhada, caminhou para o futuro que a esperava do lado de fora daqueles portões. Olhou para traz pela última vez, virou a esquina e foi viver.
 
Leila Rodrigues

53 comentários:

  1. Chuva,

    Confesso, por ela, eu me rendo,

    ResponderExcluir
  2. Oi Leila...amiga, irmã..
    Obrigada por acreditar em mim..por me dar força e incentivo viu?

    Amei seu conto.
    Quantas de nós mulheres não gostaria de deixar a vida que por comodismo levamos e ir em frente ao encontro de um sonho?
    Muitas..mas falta coragem.
    As vezes preferimos ficar na nossa zona de conforto insossa.

    Seu texto perfeito não só pelo tema mas pelo seu talento com as palavras.
    Um beijo da sua amiga aqui EU!!

    ResponderExcluir
  3. E foi se molhar , arriscar e ser feliz.cansou de estar "sequinha" e sem vida...

    Lindo!!!Adorei! beijos praianos,chica

    ResponderExcluir
  4. É incrivel como quando tomamos uma decisão, não ha nada e nem ninguem que nos demova dela...nao ha vento tempestade, chuva que nos impeça ainda mais quando essa decisão tem a ver com a nossa vida, nossa felicidade, nosso bem estar interior...
    ADOREI como sempre alias!

    ResponderExcluir
  5. Maravilha!!!! O diálogo, a decisão, o ato de libertação. Você narra de uma forma tão especial, e o sentimos, palavra por palavra. Parabéns!!

    Bjs.

    ResponderExcluir
  6. Leila, tudo bem?
    Muito lindo!
    Diálogo, subtexto, mensagem completa, conto maravilhoso sobre as escolhas nem tão fáceis que nos fazem simplesmente viver!

    Beijos e te cuida!

    ResponderExcluir
  7. sublime perfume da chuva

    gostei de estar aqui adoro textos palavras .. agradeço seu carinho lá no meu paraíso..


    dia feliz

    beijos!!

    ResponderExcluir
  8. http://www.youtube.com/watch?v=p7QL46cK7B8&feature=related

    um conto, as palavras, fazendo delas a eternização do amor...

    bj...nho

    ResponderExcluir
  9. UAUUU q linda vsita a sua lá em cas, fquei cheinho de pensamentos pecaminosos, calma, assim como, vaidade, orgulho...Lindo seu post, quentinho, juntinho, coladinho, gosto deste tipo de leitura, pra vc amada poetiza bjos, bjos e bjosssssssss

    ResponderExcluir
  10. O melhor da vida é vencer os medos, os desafios, sair na chuva,,,se jogar no mundo sem se importar de molhar ou com o que as pessoas irão dizer....beijos de bom final de semana pra ti amiga.

    ResponderExcluir
  11. Leila
    Que beleza de texto! Amei! Me deu vontade de tomar banho de chuva no interior eu fazia isto muito.
    Pois onde vou largo a sombrinha!
    com amizade e carinho de MOnica

    ResponderExcluir
  12. Olá,Leila!!!

    Que lindo!!!!A vida também é correr riscos!!!!Beijos!!
    tudo de bom!

    ResponderExcluir
  13. Agradeço a visita e o comentário sincero! Obrigada pelo carinho! Agradeceria muito se pudesses retribuir me seguindo através de meu mosaico de seguidores!Uma 6ªF iluminada e repleta de bênçãos! Volta sempre que quiseres e/ou puderes!Abraço fraterno e carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. Un placer conocer tu espacio; te sigo. Besos.

    ResponderExcluir
  15. Olá!!! Estou aqui para agradecer a sua visita ao meu blog!!! O conto ácima é muito interessante!!! Eu gostei muito!!!

    Desejo pra vc tudo de bom e deixo um grande abraço para todos os seguidores do seu blog!!!

    Beijo!!!

    ResponderExcluir
  16. Leila,que texto mais lindo!Um final inusitado e cheio de vida tb!Bjs e bom final de semana!

    ResponderExcluir
  17. Antes que o dia acabe e te roube a esperança,
    antes que a noite chegue e traga incerteza,
    e quando menos esperar, eis você realizando,
    e sem perceber, já estará mais uma vez,
    sonhando um novo sonho, pra começar tudo de novo,
    por que a vida, a vida é um eterno recomeçar.
    Que Deus te proteja hoje e sempre.
    Não se esqueça que ♥ ... ♥ Estou seguindo -te e te amando .
    Um feliz final de semana.
    Beijos no seu coração.
    Evanir..

    ResponderExcluir
  18. "...virou a esquina e foi viver."
    Às vezes, a gente esquece de virar a esquina, virar a página e até se esquece de viver.
    Amei, minha linda Leila!
    Um excelente final de semana!
    Beijocas!

    ResponderExcluir
  19. Olá...me emocionaste, viu; e me vi sonhando com a vida, mas sem dores e sem feridas; a chuva pode nos acalmar tanto e virar a esquina representa o quê?
    Sei, deixar pra trás o que tá confuso, o que tá doendo e se arriscar "tentar o novo"...Renovar; é isso?
    Beijo

    ResponderExcluir
  20. Leilinha;;passei pra te desejar um bom final de semana!!!!bj

    ResponderExcluir
  21. eu com certeza ja deixei muitos portoes pra traz. e hoje, estou em frente a um novo portao, enorme, que esta entreaberto.

    Nao sei se passo por ele ou se apenas fico a observa-lo, imaginando o que esta do lado de la.

    ResponderExcluir
  22. Leila minha amiga!!

    Um domingo lindo pra vc!!!
    beijo....

    ResponderExcluir
  23. Olá Leila!

    Gostei muito. Um outro título que bem serviria, seria : Liberdade. É preciso coragem para resgatar a liberdade.

    Um abração e boa semana.

    ResponderExcluir
  24. Leila,passando para reler sua poesia e desejar um bom domingo!bjs,

    ResponderExcluir
  25. Obrigada por visitar o meu espaço,o seu também é lindo,apareça sempre que quiser.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  26. Olá, Leila. Obrigada pela visita! Gostei muito do seu cantinho. Lindo post! Um grande exemplo de coragem e liberdade. Ter uma atitude e seguir um novo caminho. Bom fim de tarde e ótima semana! Bjos carinhosos.

    ResponderExcluir
  27. Olá Leila!
    Que linda e sábia prosa!Parabéns!
    Já tô te seguindo e te convido para participar como minha amiga lá meu blog também!
    Tenha um ótimo Domingo! Bj!

    ResponderExcluir
  28. Minha querida

    Um lindo texto de esperança e renascimento...adorei e deixo um beijinho com carinho.

    Sonhadora

    ResponderExcluir
  29. Uma boa utilização das PALAVRAS!

    Beijinho!

    ResponderExcluir
  30. Você é admirável com os textos! Eu já sabia disso, só vim confirmar. A postagem é digna de aplausos. Beijo

    ResponderExcluir
  31. Leila

    Que lindo viver.
    Maravilhoso texto.

    Beijos

    ResponderExcluir
  32. Belissimo o teu texto!...

    «Olhou para traz pela última vez, virou a esquina e foi viver.»


    Beijos!
    AL

    ResponderExcluir
  33. assim sem avisar. Meu nome é Fabrício e cheguei até vc através do Blog Krasivo. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir meu blog Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. Estou me aprimorando, e com os comentários sinceros posso me nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs

    Narroterapia:

    Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.

    Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

    Abraços

    http://narroterapia.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  34. Leila querida fechei os olhos e senti eu tomando este banho de chuva... emocionou. Passando minha amiga para te desejar uma semana com muitas novidades (boas claro kkk) Beijos no coração!

    ResponderExcluir
  35. Um dialogo maravilhoso. Um lindo viver a vida.
    Beijos e ótima semana.

    ResponderExcluir
  36. Boa tarde amiga,
    Venho lhe desejar uma linda semana coberta de muita paz e amor!
    Sua presença é muito importante em meu cantinho, por esta razão veio lhe agradecer o seu carinho de sua amável visita sempre.
    Assim que poder acesse o link
    http://www.mariaalicecerqueira.com/2012/01/degustacao-do-livro-vida-nossa-de-cada.html
    e leia a degustação do meu próximo livro! Vida nossa de cada dia!
    Obrigada de todo o coração!
    Abraço amigo
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  37. Beijos, queria muito receber uma visitinha tua, estive ausente e os amigos estão meio sumidos, espero,quando puderes.

    ResponderExcluir
  38. A chuva lava, purifica ...deixa renascer...
    Excelente!

    ResponderExcluir
  39. Minha querida

    Passando para agradecer o carinho de sempre e deixar o meu beijinho.

    Sonhadora

    ResponderExcluir
  40. Que Deus ilumine o nosso fim de semana e nos proporcione muitas Bênçãos.
    Deus quer que cada um seja um canal de benção um para o outro.
    È com esse espirito que venho desejar um lindo final de semana
    beijos de paz e luz.
    Com carinho.
    Evanir...

    ResponderExcluir
  41. Querida Leila!
    Acredite que estou chorando como uma criança... as lágrimas correm-me na face e o meu coração, sentimentalista, bate! Nunca alguém me escreveu um comentário tão querido como o seu que deixou em meu "Transpondo Barreiras"! Amei seu depoiamento! Ha minha amiga, como adoraria defacto ficar encostada em você e lhe contar minha história de vida e poder ouvir a sua também.

    Quanto ao seu escrito, adorei. É uma novela resumida e com muito romantismo!

    Um grande beijo em seu coração, estarei sempre aqui para te ler.

    Bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  42. Leila..querida
    passei pra te dar uma sugestão de blog..dos bons..
    http://lucianasantarita.blogspot.com
    A Luciana escreve lindamente.
    Passa no meu..tem postagem especial lá.
    Beijinho...

    ResponderExcluir
  43. Oi Leila,

    Estou em êxtase com os seus textos. Pela coragem e ousadia de sermos nós mesmas. Fui indicada pela Ma e já estou te seguindo e colocando nas recomendações.

    Beijos.

    Lu
    http://lucianasantarita.blogspot.com

    ResponderExcluir
  44. há passeios que têm um tal sabor que pouco importa o tempo que faz. aliás, a cada passada o pensar é mais dedicado, filtrado, num só sentir que nada tem com o que passa por nós. só vemos um caminho... o único no momento!!!

    ousei visitar este teu cantinho, agora que começo por iniciar o caminho da blogosfera.

    a...té

    ResponderExcluir
  45. Ôi! Passando pra convidar! Tem post novo e presente muito especial! Vem! Cada coração amigo conquistado, é mais uma luzinha a iluminar a nossa estrada! Uma 6ªF radiante e abençoada! Abraço fraterno e afetuoso! Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  46. Minha querida

    Passando para ver se está tudo bem e deixar um beijinho.

    Sonhadora

    ResponderExcluir
  47. Muito lindo o texto...amei os diálogos...refleti com todo o texto...obrigada por escrever tão bem e dividir conosco, Leila...beijinhos para vc, querida!

    ResponderExcluir
  48. as tuas palavras, no seu todo, mostram a realização do desejo em plena confissão!


    a...té

    ResponderExcluir
  49. Leila,

    um pequeno aviso, se quiser ler meu último post, além de uma homenagem à minha filha, tem um aviso à todos!
    Beijosss

    ResponderExcluir
  50. Isso que eu chamaria de mulher decidida! Ótimo seu conto, e com um final que fechou lindamente. E surpreendeu.

    Um beijo, amiga.
    Tais

    ResponderExcluir
  51. Olá!

    Passando para desejar dias de paz nesse carnaval.

    Um abração.

    Antonio (Apon)

    ResponderExcluir
  52. Olá minha amiga fidalga!!!!!!!!!!!
    menina cheia de encantos...
    Seu conto é um convite para uma boa leitura...o que a chuva nos convida ;lava e purifica tudo que mancha...
    bjs minha querida amiga!

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita. É muito bom ter você por aqui!
Fique à vontade para deixar o seu recado.
Volte sempre que quiser.
Grande abraço