quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Solidão

Solidão não é chegar numa casa vazia.
É ninguém perguntar como foi a viagem
Solidão não é dormir sozinho
É dormir separados na mesma cama
Solidão não é falta de alguém
É o excesso de ninguém

Solidão é ter que pedir para ser ouvido
É ter que gritar para ser percebido
É ter que morrer para ser lembrado.

Solidão é estar rodeado de gente
E ainda assim chorar sozinho 
Solidão não é a falta de você
É ausência de mim

Leila Rodrigues

47 comentários:

  1. Adorei!!
    Não podemos deixar de estar conosco para estarmos com os outros... Assim não seremos nós... e aí, cadê a gente??
    Passei e fiquei!!
    Uma quinta linda e iluminada,
    Bjsss

    ResponderExcluir
  2. Minha querida

    Sei quanto dói essa presença ausente...esse estar sem ter.
    Como sempre adorei e deixo um beijinho, agradecendo o carinho que me deixas.

    Um beijinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  3. Querida Leila...

    Vc descreveu muito bem em seu poema o que é solidão.
    Entendo bem o que vc diz tão lindamente ( apesar de triste ) no seu belo poema.
    Vc escreve lindamente.

    Bj..fica com Deus..

    ResponderExcluir
  4. Nossa! Leila!
    Que lindo poema!
    Tens razão, e toda, a solidão é a ausência da própria pessoa.
    Reflexão profunda essa...
    Maravilhoso!

    Beijos e ótimo restinho de semana.

    ResponderExcluir
  5. Dormir separados na mesma cama?

    Sim. Solidão, solidão!

    Bjsss

    ResponderExcluir
  6. Leila simplesmente perfeita, nem tenho o que comentar só aplaudir,vc disse tudo.
    Cada leitura que faço aqui fico mais encantada e feliz em ser sua leitora.

    Bjoss

    ResponderExcluir
  7. Belíssimo poema.
    Gostei muito do blog. Parabéns por este trabalho.

    ResponderExcluir
  8. já disse o poeta: eu preciso aprender a ser só...

    ResponderExcluir
  9. É, simplesmente real, além de sábio e belo!... Quantas e quantos de nós, muitas vezes "estamos a sós" apesar de acompanhados. Para sentir a presença do outro ou da outra é necessário haver sintonia, envolvimento, cumplicidade, e isso nem sempre acontece.Está acompanhado (@) pode significar sinônimo de solidão.Grande abraço, e um dia excelente!

    ResponderExcluir
  10. Leila, disse tudo em suas palavras! Solidão não nos perdermos de alguém, e sim de nós mesmos.
    Lindo menina! Parabéns :)
    bjokitas mil.

    ResponderExcluir
  11. Demais Leila!

    Esse texto tem a complexa simplicidade de ir muito além das palavras, versando a solidão com lucidez e objetividade. Parabéns!

    Um abração.

    ResponderExcluir
  12. Poucos versos, muita essência.
    Solidão um mal da era.
    Obrigada por deliciar seus leitores com palavras que alimentam a alma.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  13. Muito legal, seu poema!

    Tem uma música que Dick Farney canta, que diz assim:
    "É bom estar
    de novo aqui,
    a respirar
    poluição,
    e ser mais um
    na solidão
    de sua multidão!"
    (obviamente referindo-se a São Paulo).

    Por outro lado, o tema solidão me remeteu à lembrança do post:
    http://famainfame.blogspot.com/2009/10/solidoes.html

    ResponderExcluir
  14. Belo poema e muito real... não é a quantidade mas a qualidade que vale em nossas vidas. Ser gente! Estar com gente e como gente é uma ética e estética difícil de ser alcançada desmistificando-se interesses! Parabéns! Célia.

    ResponderExcluir
  15. Querida, obrigada pela visita e a generosidade dos teus comentários.Passar por aqui é sempre um enorme prazer.Poema perfeito!
    "Solidão não é falta de alguém
    É o excesso de ninguém". Solidão realmente é a ausência de nós.Grandes voos.Bjs no coração Eloah

    ResponderExcluir
  16. Amei!!! Não tenho nem palavras só a constatação desse sentimento.
    Parabéns!!!!

    ResponderExcluir
  17. Excelente!parabéns pelo lindo poema..
    Bjo

    ResponderExcluir
  18. Concordo c/ o belo poema."Solitário andar por entre gente"... cantava Camões e isso,realmente ,é duro de encarar. bjks

    ResponderExcluir
  19. Bem vinda ao meu jardim.
    Volto.

    Beijo

    ResponderExcluir
  20. Querida fiquei encantada com tua visita e com o teu texto Herói Solitário.Somos muitos loucos(as) sonhadores(as).Fazemos parte deste universo maravilhoso!!!! Bjs no coração Eloah

    ResponderExcluir
  21. É verdade. Solidão boa é a escolhida (coisa que costumo fazer com frequência) e não a imposta.

    Passei pra conhecer e gostei imenso, Leila.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  22. Olá,Leila!!

    Belíssima poesia querida!! Tua sensibilidade e precisão com as palavras encantam!!!
    Beijos pra ti!!
    Tenha um ótimo dia!!

    ResponderExcluir
  23. Isso! adorei tua maneira de ver a solidão!

    Certa vez eu li no facebook: Solidão é ausência do outro. Solitude é a presença de si mesmo. A solitude é muito positiva. É uma presença, uma presença transbordante. Você se sente tão pleno de presença que pode preencher o universo inteiro com a sua presença, e não há nenhuma necessidade de ninguém.

    ResponderExcluir
  24. Olá minha amiga fidalga!
    Falar de solidão...é desnudar à alma,para receber o outro que não estar presente ao nosso lado...
    Bjsssssssssss

    ResponderExcluir
  25. Leila querida,
    Solidão é estar como você bem relatou em seu poema. Eu penso que solidão é um estado d'alma em que alguém, em meio à uma multidão, sente-se sem ninguém, a sós consigo mesmo.
    Um beijo,
    Maria Paraguassu.

    ResponderExcluir
  26. Poesia Pura! Lindíssima! Vasculhou lá no fundo! Bj

    ResponderExcluir
  27. "Solidão"..."É o excesso de ninguém": pensoq ue esta é a essência da definição de SOLIDÃO!
    Gostei muito do teu poema...ele me tocou profundamente....
    Bj

    ResponderExcluir
  28. Leila,
    passei para te desejar um excelente fim de semana!
    Beijinhos e obrigada pela presença no Humoremconto!

    ResponderExcluir
  29. Lindíssima e a solidão imposta deve ser dura de viver!beijos, chica

    ResponderExcluir
  30. Bom dia,Leila!!

    Tenha um ótima sábado querida!!!
    Beijos pra ti!!
    **Adoro sua foto de perfil!!

    ResponderExcluir
  31. Uma bela e muito forte definição de solidão...beijos de bom final de semana pra ti amiga.

    ResponderExcluir
  32. É um momento em nossa vida, beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  33. Leila,maravilhosa e acertada poesia sobre a solidão!Eu adorei!Bjs,

    ResponderExcluir
  34. Leila,maravilhosa e acertada poesia sobre a solidão!Eu adorei!Bjs,

    ResponderExcluir
  35. Leila,maravilhosa e acertada poesia sobre a solidão!Eu adorei!Bjs,

    ResponderExcluir
  36. minha linda amiga fidalga!
    Vc é muito encantadora com seu jeito maneiro de ser...com o dom da conquista...te adoro nas palavras...
    bjsssssssssssssss

    ResponderExcluir
  37. Lindo a vida é uma ilusáo verdadeira...beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  38. No es lo mismo estar solo que sentirse solo,
    muy bonitas tus letras.
    feliz fin de semana.

    ResponderExcluir
  39. Flor..queria avisar que tem sorteio do livro da Adriana lá no meu blog. bjs e lindo fim de semana para vc!

    ResponderExcluir
  40. Bom dia! Bom domingo!! Acesse ao blog para conhecer o resultado! Hoje é dia de sorteio!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  41. Um domingo cheio de carinho e uma semana de muita poesia pra ti minha amiga querida,,,beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  42. que lindo.
    e acrescento : " solidão é te amar e você nao aceitar o meu amor ."

    ResponderExcluir
  43. Bom dia,Leila!!

    Tenha um ótimo início de semana querida!!
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  44. Solidão é estado de espírito,
    è sentir criado ou recriado,
    na fuga ao dramático ou satírico
    relacionado com presente ou passado.

    Só ? no meio da multidão
    é sentimento gerado.
    É feliz o "coração"
    Quando bem acompanhado!

    ARFER

    ResponderExcluir

Obridada pela visita. É muito bom ter você por aqui!
Fique à vontade para deixar o seu recado.
Volte sempre que quizer.
Grande abraço