quinta-feira, 22 de junho de 2017

Onde começa o poder?



O empoderamento feminino é a bola da vez. Empoderamento feminino é o ato de conceder o poder de participação social às mulheres, garantindo que possam estar cientes sobre a luta pelos seus direitos. A ONU Mulheres desenvolveu uma lista com 7 princípios básicos do empoderamento feminino no âmbito social e profissional. Muito importante para a verdadeira participatividade feminina na sociedade. 
Porém, para nós que já estamos aqui na luta há um bom tempo, ou seja, antes desta lista que veio para nos defender, ficam alguns questionamentos. Onde começa o empoderamento feminino?  Na prática, como é que fazemos isso acontecer?
Nasci no interior das Minas Gerais, em uma família muito simples e de mais 3 irmãos. Você pode imaginar que, pela lógica eu fui criada para casar e ter filhos. Sem problemas. Eu me casei e tive meus filhos. Mas eu queria mais! Eu sempre quis mais da vida. Não que casar e ter filhos não fosse bom, mas eu apenas queria um pouco mais. E para chegar lá tive que exercer o meu empoderamento desde muito nova. Aliás muito antes de conhecer esta palavra.
O empoderamento feminino é possivel, desde que a mulher esteja disposta a fazer as escolhas certas e se posicionar como uma “empodeirada”.  O empoderamento feminino começa quando uma mulher escolhe usar mais a inteligência que os quadris para conseguir alguma coisa. Ou quando uma mulher se propõe a fazer o que tem que ser feito sem usar o subterfúgio de ser mulher para fazer mal feito, no raso, na mediocridade. O empoderamento feminino começa quando uma mulher convive com os homens sem permitir que seus limites sejam ultrapassados. E caso algum homem tente ultrapassar esses limites, ela com toda sabedoria vai colocá-lo no chão em duas palavras. 
E isso não tem nada a ver com a vaidade, com a feminilidade, com o feminismo, com homossexualismo. Estamos falando de postura e atitude. Esses sim são os dois pilares básicos do empoderamento feminino. Sem eles, nem a ONU vai conseguir ajudar você a ter poder um dia!
Então se você quer usufruir do empoderamento feminino ou quer chegar ao poder um dia? Comece agora a tomar posse da sua vida. Comece recusando parceiros que não te respeitam, comece traçando o caminho que você quer trilhar, comece usando sua inteligência e disposição, comece conhecendo os seus direitos e deveres. O poder começa nas pequenas atitudes e todo o resto será consequência. 

Leila Rodrigues

Publicado no Jornal Agora Divinópolis em 20/06/2017
Imagem da Internet


Olá pessoal,

Há alguns dias participei de um treinamento onde o Empoderamento Feminino foi muito evidenciado. É muito bom ver que o mundo finalmente está começando a reconhecer de verdade a inteligência feminina. Ter a ONU à frente de uma iniciativa grandiosa como esta, nos coloca em um novo patamar. Tantos anos tentando provar a nossa competência, muitas vezes estrangulando nossas vidas pessoais, abrindo mão de outras oportunidades e prazeres da vida, simplesmente para sermos aceitas no mercado de trabalho. Tantos anos de luta que uma iniciativa desta nos deixa, no minimo, crédulas na humanidade. 
Contudo, eu acredito, sinceramente que, nenhum esforço da ONU ou de qualquer outra iniciativa terá sentido se o empoderamento não aflorar em cada pessoa, seja ela homen ou mulher. É preciso que acreditemos de verdade no poder que temos de decidir nossas vidas a começar por nossas posturas e por nossas atitudes, das pequenas às maiores e mais complexas. 
Eu acredito na força das pessoas, acredito nas mulheres, acredito nos homens. E penso que juntos e unidos o mundo pode ser bem melhor.

Grande abraço


Leila Rodrigues


2 comentários:

  1. A iniciativa de "empoderarmo-nos" habita em nós há muito! Basta que saibamos usar da inteligência feminina, sensitiva por excelência, e bem menos da atração física. Muitas de nós imperamos "No Poder" em empresas, nem um pouco preconceituosas, que sabem que não nascemos apenas para criar filhos, mas criar estratégias, visualizar desenvolvimento e alavancarmos sucesso século XXI. Evidente que isso não nos impede de sermos mães, esposas, amantes, confidentes; enfim de termos nossa família!
    Abraço.

    ResponderExcluir
  2. Olá Leila "empoderar-se" é realmente a palavra que reforça, a mulher acordou para a vida e está a cada dia evoluindo como realmente deve , conquistando seu espaço. Ainda existem aquelas que valoriza muitos os "quadris", adorei essa colocação, mulher não é apenas corpo bonito, a cabeça tem que ser pensante.Parabéns pelo expressivo texto.
    Bom final semana,
    Bjs!

    ResponderExcluir

Obridada pela visita. É muito bom ter você por aqui!
Fique à vontade para deixar o seu recado.
Volte sempre que quizer.
Grande abraço